Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Girls can !!

Lifestyle

Lifestyle

Girls can !!

31
Ago17

20 COISAS QUE ACONTECEM NO MUNDO EM 1 MINUTO!!!


Cátia Sofia Santos

Apenas 60 segundos bastam para acontecerem coisas incríveis no nosso planeta. Descubra alguns factos curiosos.

 

 

 

Um minuto pode parecer pouco, mas a verdade é que muita coisa acontece durante este tempo. Aqui podemos conhecer 20 factos curiosos que se passam no mundo durante 60 segundos. Quanto ganha Cristino Ronaldo? E quanto ganha uma pessoa comum? Quantos bebés nascem no mundo, quantos raios atingem a Terra ou quantos terremotos se fazem sentir? O melhor mesmo é ler e descobrir tudo:

 

1 - Uma dona de casa norte-americana faz em média 0,081€

2 - Nascem 250 bebés em todo o mundo.

3 - 113 desses bebés nascem em situação de pobreza.

4 - 15 nascem com mal formação de membros.

5 - Cristiano Ronaldo ganha cerca de 9,600€

6 - Uma pessoa normal ganha 0,011€ (média mundial).

7 - Nos EUA um técnico de informática ganha 0,11€.

8 - Na Índia um técnico de informática ganha 0,02€.

9 - Alguém que trabalha na fábrica da Nike no Vietnam ganha 0,00119€.

10 - Já a Nike ganha cerca de 50€.

11 - São cometidos 3 crimes violentos nos EUA.

12 - 2 carros são roubados nos EUA.

13 - 55,757 barris de óleo são usados no mundo inteiro.

14 - 360 raios atingem a Terra.

15 - Acontecem 5 terremotos.

16 - 950,186 quilos de lixo são deitados fora nos EUA.

17 - 120,673 quilos de comida em bom estado são deitados fora.

18 - 9 pessoas diferentes são infetadas pelo vírus do HIV.

19 - 107 pessoas morrem.

20 - 18 delas morrem de fome.

 

30
Ago17

ACORDE CEDO, MAS COM GENICA!!!


Cátia Sofia Santos

Nem toda a gente gosta, nem toda a gente consegue e há quem acorde com muito mau humor. Mas, nada como criar uma rotina para alterar comportamentos.

 

 

Há dias que são inevitáveis! Ou porque se tem uma reunião mais cedo que costume ou porque se tem de ausentar ou porque os seus filhos assim o impuseram. As razões são bem diversificadas e mesmo para quem não tenha o hábito... irão sempre surgir dias em que terá de se levantar mais cedo. Mas, o pior nem são estes casos, mas sim o de pessoas que o têm de fazer todos os dias e continuam sem saber lidar com a questão. Mau humor, irritação e sonolência são caraterísticas normais e ter consciência que nem sequer é uma escolha pessoal é pior ainda. No entanto, o que a maioria das pessoas não tem noção é que isso acontece por culpa delas, ou seja, é certo que o horário de trabalho pode ser imposto, mas tudo o que acontece antes de dormir é de sua inteira responsabilidade. E nem vale a pena argumentar que não consegue ir para a cama mais cedo, por exemplo! Se nunca tentou – e não, não é tentar 2 ou 3 dias – ou se só experimentou fazê-lo por pouco tempo, é normal que nunca venha a conseguir. A rotina do sono não se conquista assim. E sim, há pessoas diurnas e noturnas, até porque possuem ciclos e genética diferentes, mas tanto umas como as outras devem ter uma rotina de sono.

Se tem de se levantar muito cedo e lida mal com isso, está na altura de começar a contrariar isso, até porque quando se começar a habituar irá, com certeza, andar mais bem humorado.

 

 

Criar rotina
O ideal será deitar-se e acordar sempre no mesmo horário. O nosso corpo tem um relógio interno pelo que se torna imprescindível seguir as suas badaladas e não andar constantemente a acertá-lo. Conforme referido acima, esta rotina não vai lá com 2 ou 3 dias. Insista! Não fique a ver aquela série até tarde, evite refeições pesadas, evite o álcool, evite o tabaco, evite o chocolate ou qualquer outro excitante, deixe o telemóvel ou portátil fora do quarto, não veja televisão na cama e dê preferência a um pijama confortável, a um quarto arejado e sem luz, a uma cama bem feita, a um banho quente, a um bom livro, etc...

“Mais 5 mn...”
É um erro crasso! Para além de poder adormecer de novo e acordar sobressaltado por já estar atrasado, o 'snooze' só serve para que o seu corpo e vontade fiquem com pouca energia. Quando o despertador tocar, espreguice-se com vontade, torça o corpo todo e levante-se.

Luz natural
A luz é um facilitador, por isso quando acabar de se espreguiçar, levante-se e abra as janelas. A luz facilita um acordar gradual e positivo.

Exercício físico
Parece algo improvável e possivelmente a vontade não é nenhuma, mas o que é certo é que o exercício físico pela manhã irá ajudar na sua boa disposição durante o dia. Ajuda o corpo a despertar melhor e a sua energia durante o dia será notória e o dia correrá ainda melhor. Não obstante, quando chegar ao fim do dia, vai ser boa a sensação de ter despachado mais essa tarefa.

Planear o dia
Se já custa levantar cedo, pior ainda se tiver que decidir determinadas coisas logo ao acordar: roupa, refeições, snacks, preparar mala, etc... Planeie e deixe preparado na noite anterior tudo o que for possível para assim evitar correrias e má disposição.

Atitude
A sua vontade e disposição também vão partir da sua atitude, isto é, se andar constantemente a repetir para si mesmo que odeia levantar-se cedo e que custa horrores, é normal que o corpo e a mente se ressintam. Coloque uma música energética e que goste no despertador, espreguice-se e abrace o novo dia. Acordar cedo faz com o seu dia renda mais e melhor!

Capacite-se do seguinte... o sono é das principais atividades da vida! Dá energia, previne doenças, ajuda a emagrecer e a pessoa sente-se bem física e emocionalmente. O sono deve e tem de ser uma prioridade e quem orgulhosamente diz tantas vezes que se aguenta com 4 ou 5 horas de sono, quando deveria dormir cerca de 8, não irá ter um desempenho enérgico e a médio/ longo prazo as competências também podem falhar.

25
Ago17

5 DICAS PARA MAXIMIZAR A SUA POUPANÇA ESTE VERÃO!!!


Cátia Sofia Santos

O inverno é já uma memória distante, dando lugar a dias de calor e sol ideais para sair de casa e aproveitar o que o verão tem de melhor.

 

 

Contudo, melhores condições climatéricas e mais atividades fora de casa também significam mais gastos. Afinal quem é que não gosta de ir comer um gelado ou ir beber um refresco quando sai para passear?

Se não tivermos algum rigor e disciplina, estes pequenos prazeres podem tornar-se em grandes gastos e afetar as suas finanças de uma forma menos positiva.

 

Conheça 5 dicas que o vão ajudar a controlar alguns custos que tendem a ser maiores nesta época e que lhe vão permitir poupar para alguns prazeres de verão.

1. Controle os custos de arrefecimento

O ar condicionado ou a ventoinha são os nossos melhores amigos nos dias de calor, mas também podem representar uns euros extra na conta da eletricidade.

Assim, evite deixá-los ligados quando não está em casa. Opte por deixar as janelas fechadas, desta forma vai impedir que, nas horas de maior calor, a sua casa aqueça. À noite, aproveite que as temperaturas baixam e abra as janelas, deixe o ar circular e a casa respirar.

2. Evite regar as plantas na hora de maior calor

Seja um grande jardim ou apenas algumas plantas na varanda, evite regá-las na hora de maior calor. Ao regar quando as temperaturas estão mais altas, muita da água vai ser perdida com a evaporação e as gotas que ficam sobre as plantas atuam como um vidro, queimando as folhas em vez de as nutrir.

Desta forma, a rega entre as 11h e as 17h (mais ou menos) traduz-se apenas em desperdício de água e por consequência desperdício de dinheiro. Opte por regar logo pela manhã ou ao final do dia.

3. Aproveite o churrasco

Junte os amigos em casa para almoçar ou jantar, seja no jardim, na varanda ou na sala. Se todos contribuírem vão comer mais, melhor e por muito menos do que numa ida a um restaurante.

4. “Vá para fora cá dentro”

Aproveite o que de bom há no nosso país e faça umas férias “cá dentro”. Evite os locais com mais afluência, como por exemplo o Algarve, pois geralmente estes têm todos os preços inflacionados nesta altura do ano. Aproveite para conhecer locais onde nunca foi. Vai conseguir fazer uma férias mais descansadas e por muito menos dinheiro. Neste artigo sobre férias low-cost conheça três destinos em conta para uns dias de descanso.

Se optar por ficar em casa nas férias, aproveite para conhecer coisas na sua própria região: aquela praia ao lado de casa, mas onde nunca tem tempo de ir ou ir visitar aquela exposição que anda há meses a tentar ir ver.

5. Procure sempre descontos e atividades gratuitas

Esta é uma dica válida em todas as alturas do ano. Contudo, no verão, porque estamos mais propensos a sair de casa, pode significar uma poupança maior. Aproveite, os dias gratuitos nos museus e monumentos para os visitar ou as sessões de cinema ao ar livre, por exemplo. Estes são bons programas para fazer em família e que representam poucos gastos.

O verão não tem de ser um inimigo da sua poupança. Pequenos gestos poderão fazer a diferença e manter o seu bolso cheio de saúde durante as suas férias.

24
Ago17

TRUQUES DE BELEZA QUE VÃO MUDAR A SUA ROTINA!!!


Cátia Sofia Santos

Práticos e eficazes e que ainda lhe podem fazer poupar tempo e dinheiro.

 

 

Tratar dos cabelos, mãos, maquilhagem, etc... é algo que lhe pode fazer perder algum tempo e até dar alguma chatice quando não há muito jeito ou até vontade. Muitas vezes são coisas simples, mas que nunca tinham passado pela cabeça. Saiba como pequenos truques podem facilitar a sua vida e manter o aspeto que desejou nas horas seguintes.

Ondas no cabelo
Para quem não as tem e quer ter, nada como fazer tranças por todo o cabelo e aplicar de seguida a placa alisadora. As tranças por si só já fazem uma ligeira ondulação, mas a placa irá ajudar a fixar os fios de cabelos.

Babyliss
Na senda, caso prefira utilizar um ferro de enrolar, comece por enrolar o cabelo a meio da mecha e não nas pontas. O resultado será bem mais visível.

Ganchos invisíveis
Quantas vezes já saiu de casa com os ganchos bem colocados e passado umas horas parece que escorregam? Saiba que os ganchos se devem colocar com a parte ondulada para baixo e não para cima.

Rabo de cavalo longo e volumoso
Esta maneira dará ao seu cabelo o efeito de ter um cabelo mais longo e com mais volume. Divida o cabelo em duas partes e prenda uma metade até meio da cabeça (um pouco acima das orelhas) e a outra ligeiramente abaixo. A parte de cima irá sobrepor-se à de baixo.

Champô seco
Para quem tem cabelos oleosos ou quem queira tirar alguma oleosidade do cabelo pode optar por fazer o seu próprio champô seco em casa. Junte 2 colheres de sopa de amido de milho, 1 colher de sopa de pó de talco e um pouco de cacau ou canela, caso pretenda 'abafar' o cheiro do pó talco.

Pontas espigadas

Caso não queira ir a correr para o cabeleireiro, nada como enrolar as madeixas do cabelo e cortar as pontas que ficam de fora e desalinhadas ao longo das mesmas.

Acabar com o frizz do cabelo Nem sempre os pentes ou escovas têm um bom resultado, por isso nada como pulverizar um pouco de laca numa escova de dentes (utilizar só para este fim) e pentear os fios frisados.

Lápis de olho
Para desenrascar ou por qualquer outro motivo, nada como utilizar a sua máscara de pestanas para delinear os olhos. Utilize um pincel fino, passe na máscara e aplique.

Sobrancelhas
Para as manter no devido sítio, nada como aplicar um pouco de vaselina. Também pode usar uma máscara de pestanas para as fixar e dar alguma cor.

Olheiras
Para esconder as marcas de cansaço, stress ou outros, aplique o corretor com riscos esfumados e não pontos para depois esbater. Será mais fácil de espalhar e de homogeneizar, conferindo um aspeto mais leve, iluminado e natural.

Limpar pincéis
Junte água morna e um pouco de champô num copo e mexa com as cerdas do pincel. Este acumula distintas bactérias e é fundamental que seja lavado constantemente.

Aproveitar embalagens
Se já cortou uma embalagem de creme, base, champô ou outro, sabe do quanto se pode desperdiçar caso isto não se faça. O produto que se acumula nas paredes de uma embalagem é grande, por isso, nada como a colocar durante alguns dias de 'cabeça para baixo' ou cortar ao meio para aproveitar todo o produto.

Esfoliar e hidratar os lábios
É certo que se só utilizar o açúcar, fará uma boa esfoliação, mas este só ajuda a remover a pele morta. Junte a 2 colheres de açúcar 1 colher de mel para hidratar e aplique durante cerca de 2mn. Retire com água fria e aplique um protetor labial.

19
Ago17

5 alimentos que ajudam a reduzir o stress!!


Cátia Sofia Santos

 

Quando estamos em stress porque ainda não acabámos um trabalho que temos de entregar amanhã ou porque ainda não conseguimos ir comprar o presente para a nossa irmão que faz anos, a última coisa que queremos ouvir é que temos de ter uma alimentação saudável.

Ninguém tem tempo para saltear brócolos ou cozinhar uma bela posta de peixe no meio de tanto alvoroço e tão pouco tempo para resolver tudo.

No entanto, é importante saber que existem certos alimentos que fazem com que andemos menos tensos e stressados. O site norte-americano Health.com fez uma lista desses mesmos alimentos. Aqui estão alguns:

Verduras: “As verduras, como os espinafres, possuem folatos, que produzem dopamina, um químico cerebral que nos faz sentir prazer e ajuda a mantermo-nos calmos”, explica Heather Mangieri, porta-voz da Academy of Nutrition and Dietetics. Um estudo realizado em 2012 descobriu que aqueles que ingeriam mais alimentos ricos em folatos tinham um menor risco de desenvolver uma depressão. Uma outra investigação publicada em 2013 mostra que os estudantes universitários tendem a sentir-se mais felizes, enérgicos e calmos se comerem frutas e vegetais;

Peito de peru: Este alimento possui triptófano, um aminoácido que ajuda a produzir seratonina, “um químico que regula a fome e os sentimentos de felicidade e bem-estar”, afirma Mangieri. Existem vários estudos comprovam esta informação. O triptófano pode também ser encontrado nas amêndoas, sementes, tofu, lentilhas, feijões e ovos;

Iogurte: Os níveis de stress são comunicados pelo cérebro para o intestino e vice-versa (daí muitas vezes termos dores intestinais quando estamos mais nervosos). Por isso, o consumo de probióticos (através de iogurtes) é essencial, já que estes microrganismos ajudam a regular esta ‘relação’, revela um estudo da UCLA realizado em 2013;

Salmão: Quando estamos stressados, há uma grande ‘explosão’ de adrenalina e cortisol. “O ómega-3 existente no salmão tem propriedades anti-inflamatórias que ajudam a contrariar os efeitos negativos provocados por estas hormonas ligadas ao stress”, explica Lisa Cimperman, dos hospitais universitários Case Medical Center e porta-voz da Academy of Nutrition and Dietetics;

Chocolate Negro: “Existe um estudo que mostra que o chocolate negro ajuda a reduzir a actividade das hormonas ligadas ao stress, incluindo o cortisol”, explica Cynthia Sass, editora do site Health.com. “Para além disso, os antioxidantes do cacau fazem com que as paredes dos vasos sanguíneos relaxem, diminuindo a pressão arterial e melhorando a circulação. Por fim, o chocolate negro contém substâncias naturais que criam uma sensação de euforia semelhante à que é provocada pela paixão”, afirma.

18
Ago17

O CAMINHO PARA A FELICIDADE PASSA POR SENTIR MAIS EMOÇÕES NEGATIVAS!!


Cátia Sofia Santos

Uma nova pesquisa vem contradizer a ideia de que as pessoas devem perseguir sempre o prazer e a satisfação para se sentirem felizes. Isto é até contraproducente.

 

O caminho para a felicidade passa por ter mais emoções negativas

 

As pessoas são mais felizes se sentirem as emoções que desejam sentir, mesmo que elas sejam desagradáveis, como a raiva ou o ódio, de acordo com uma nova pesquisa publicada pela Associação Americana de Psicologia.

 

Os resultados do estudo, recolhidos em oito países, indicam que a felicidade é «mais do que simplesmente sentir prazer e evitar a dor», explica Maya Tamir, líder da pesquisa e professora de psicologia na Universidade Hebraica de Jerusalém, Israel, que acrescenta: «A felicidade é ter experiências que são significativas e valiosas, incluindo emoções que a pessoa acha que são as corretas para sentir em determinada altura. Todas as emoções podem ser positivas em alguns contextos e negativas em outros, independentemente de serem agradáveis ou desagradáveis».

 

O estudo intercultural contou com a participação de 2.324 estudantes universitários de oito países: Alemanha, Brasil, China, Estados Unidos, Gana, Israel, Polónia e Singapura. A pesquisa é a primeira a encontrar esta relação entre a felicidade e vivência das emoções desejadas, mesmo quando essas emoções sejam desagradáveis, disse Tamir.

 

Os participantes geralmente queriam vivenciar mais emoções agradáveis e menos emoções desagradáveis, mas isso não era sempre o caso. Curiosamente, 11 por cento dos participantes queriam sentir menos emoções transcendentes, como amor e empatia, das que sentiam no quotidiano, e 10 por cento queriam sentir emoções mais desagradáveis, como raiva ou ódio. Havia apenas uma pequena sobreposição entre esses grupos.

 

«Por exemplo, alguém que não sente raiva quando lê sobre abuso infantil pode pensar que deveria ficar mais irritada com a situação, então ela quer sentir mais raiva do que realmente sente naquele momento», explica Tamir. E uma mulher que quer separar-se de parceiro abusivo, mas não está disposta a faze-lo, poderia ser mais feliz se o amasse menos, acrescenta.

 

Os participantes foram questionados sobre as emoções que desejavam sentir e as emoções que realmente sentiam nas suas vidas. Eles também avaliaram a sua satisfação de vida e sintomas depressivos. Através das diferentes culturas refletidas no estudo, percebeu-se que os participantes que experimentaram mais as emoções que desejavam apresentavam maior satisfação e menos sintomas depressivos, independentemente de as emoções desejadas serem agradáveis ou desagradáveis.

 

«As pessoas querem sentir-se muito bem o tempo todo nas culturas ocidentais, especialmente nos Estados Unidos. Mesmo que se sintam bem a maior parte do tempo, ainda pensam que poderiam sentir-se ainda melhor, mas isso pode torná-los menos feliz no geral», conclui a investigadora.

 

17
Ago17

Estes alimentos podem ajudar a emagrecer…e muito!!!


Cátia Sofia Santos

Se está a tentar emagrecer, tenha em conta estes alimentos. Podem ser uma grande ajuda.

 

 

 

O processo de emagrecimento está muito ligado ao exercício físico, mas não só. A alimentação é uma questão base que deve ter muito em conta para conseguir perder os quilogramas que pretende.

Os alimentos que estão na origem do emgracimento podem não ser os mais óbvios, mas podem ser os seus grandes aliados.

A revista Boa Forma destacou os sete alimentos com grande potencial:

Feijão preto - Contém potássio e ácido fólico, e para além disso o feijão preto contém fibra e proteínas, uma vez que é composto por hidratos de carbono complexos, que como demoram mais a ser absorvidos, garantindo assim uma saciedade muito mais duradoura.

Abacate – É uma fonte de gordura monoinsaturada, ómega 9 e fibras,e aumenta a sensação de saciedade.

Chocolate preto (mais de 70% de cacau) - É rico em antioxidantes que protegem as células e aumentam a produção de leptina, a hormona da saciedade.

Cevada - Contém vitaminas do complexo B, contribuindo assim para o metabolismo dos hidratos de carbono, das proteínas e dos lípios.

Vinho - O vinho contém flavonóides que, para além de serem benéficos para o corpo, aceleram o metabolismo e estimulam o corpo a utilizar a gordura como fonte de energia.

Café – Tem muito poucas calorias. Se não lhe adicionar leite, açúcar ou natas, claro, esta bebida estimula a libertação de adrenalina, o que nos deixa com mais energia.

Feijão branco - Com poucas calorias, este tipo de feijão bloqueia a absorção de amido, reduzindo então o armazenamento de hidratos de carbono na forma de gordura. 

16
Ago17

O LADO BOM DA TIMIDEZ!!!


Cátia Sofia Santos

Numa altura em que tudo se publica e partilha na internet e nas redes sociais, ser tímido ou introvertido nem sempre é fácil. Mas pode até ser um trunfo. Saiba porquê!

 

 

Ser-se quieto e reservado é um grande desafio social no sentido em que limita a comunicação com os outros. Pode ser incapacitante ao ponto de, por exemplo, impossibilitar alguém de falar em público ou dizer a alguém que se ama. Quem é mais fechado, em termos sociais, tem mais dificuldade em demonstrar emoções e sentimentos e pode também ser mais permeável à crítica do outro e à sua incompreensão.

Não raras vezes, os tímidos e introvertidos perdem oportunidades com receio do palco, da exposição. Também podem sentir-se frustrados pelo que fica por dizer ou pelas reações físicas que não controlam, como corar ou transpirar em público. Encontram na não exposição o seu bem-estar. Não querem visibilidade, mas, embora não o saibam, estão à frente dos extrovertidos em muitos aspetos.

 

 

 

Os tímidos e os introvertidos

Muitas vezes confunde-se timidez com introversão. Não são a mesma coisa. A timidez é situacional. Perante algo que nos está a acontecer em determinado momento, fechamo-nos. Nesta perspetiva, todos nós podemos, em determinadas situações, ser tímidos. Por seu lado, a introversão, em oposição à extroversão, como definiu o psiquiatra e psicoterapeuta Carl Jung, diz respeito a uma característica estrutural da personalidade.

Uma faceta distintiva que caracteriza a pessoa, independentemente de uma situação concreta. O introvertido é assim na maior parte do tempo. Trata-se de uma característica pessoal contínua. Enquanto o tímido até gostaria de ser de outro modo, mas na maioria das vezes não consegue, o introvertido escolhe viver dentro de si mesmo.

As vantagens da timidez

A principal vantagem da timidez é o seu poder de regulação ao nível da interação social. Bem usada, a timidez pode até ser uma vantagem competitiva, já que, dizer abertamente tudo o que se pensa e sente pode ser desadequado nalgumas situações sociais. Por outro lado, a timidez pode ser atraente na relação homem-mulher. Pode ter vantagens em termos de sedução, sobretudo numa sociedade em que tudo se diz e mostra.

Ser mais ouvinte é outra das vantagens do tímido. Afinal ninguém suporta desabafar com alguém que tem sempre mais uma opinião a expressar e que nem nos dá tempo para respirar. Os tímidos também costumam pensar melhor antes de agir, o que pode gerar uma vida com menos equívocos e mais serenidade. Por vezes é mais fácil sentir conforto emocional ao lado de um tímido.

Habitualmente, é alguém que não nos faz sentir ameaçados. Já alguma vez lhe tinha ocorrido? Faça esse esforço. Se reparar, os tímidos costumam ter um efeito calmante em discussões e nas relações onde é necessário alguém que neutralize o excesso de interação. Ao contrário de pessoas mais efusivas e agitadas, chegam a exercer um efeito quase calmante em muitas situações.

 

O profissionalismo dos introvertidos

Organização, capacidade de síntese, concentração e autorreflexão são algumas das qualidades características dos introvertidos. Dão muita atenção aos detalhes, têm uma elevada autodisciplina e trabalham com resultados muito acima da média na interação de um para um. Tendem também a ser muito leais, companheiros e pacientes. Não criam conflitos desnecessários, procuram os consensos e não perdem tempo com questões inúteis.

A solidão é criativa para eles e não sentem o vazio quando estão sós. São muito responsáveis no que toca à tomada de decisões, pesam muito bem os prós e os contras, mas não pensam apenas em si próprios. Tomam decisões a pensar no bem comum. São intelectualmente muito inteligentes e capazes de reflexões que os levam a reconhecer padrões e a construir modelos de análise.

Não é raro encontrarmos cientistas entre os introvertidos. É curioso que no marketing, nomeadamente na atividade comercial e vendas, os introvertidos costumam brilhar nas reuniões porque primeiro analisam todos os dados e depois conseguem fazer excelentes sínteses e conclusões. De igual modo, os introvertidos são bons vendedores e podem conseguir superar os extrovertidos no processo de vendas porque ouvem melhor o que o cliente quer e conseguem ser mais empáticos.

Como os vemos

Aos olhos de um extrovertido, porém, os introvertidos são vistos como antissociais, por vezes apelidados de bichos-do-mato. Achamos que para eles tanto faz e que são acomodados. Em termos profissionais, são vistos como pessoas com dificuldade em expressar ideias e pensamentos de forma adequada, sendo frequente serem excluídos de grupos de projeto onde têm de liderar pessoas ou processos ou sendo-lhes atribuídas funções de back office pelas chefias.

São ainda vistos como pessoas que guardam as coisas para si e aparentam ser enigmáticos, surgindo na ideia algo como «Nunca sabemos bem o que lhe está a passar pela cabeça». São vistos como pessoas pouco abertas, desconfiadas, controladoras e com pouca apetência para a inclusão dos outros ou de si mesmas, com contactos preferencialmente superficiais.

Assim, não raras vezes são tidos, erradamente, como arrogantes, devido ao afastamento que criam nos outros. Se experimentarmos ver o mundo com os seus olhos, porém, podemos aprender a lidar com esta maneira de ser e, quem sabe, até, melhor, a nossa própria atitude em relação aos outros.

 

Os trunfos dos tímidos:

- São mais confiáveis.

- São melhores ouvintes.

- São genuinamente interessados pelos outros.

- Têm um maior nível de respeito pelo compromisso.

- Promovem amizades mais duradouras.

- Têm uma vida social moderada e respeitam horas e regras.

- Evitam corrigir os outros ou sair por cima.

- São mais flexíveis com as opiniões contrárias às suas.

- Têm uma grande força interior (necessidade de superar a timidez).

- São melhores em tarefas de foco e concentração.

- São menos despistados e menos esquecidos.

- São mais empáticos e esforçam-se mais para entender os problemas dos outros.

15
Ago17

CHÁS DE ERVAS QUE DEVEM SER BEBIDOS NO VERÃO!!


Cátia Sofia Santos

Frios, com ou sem gelo, hidratam e refrescam, além de prevenir problemas de saúde. Saiba quais são as melhores opções para os dias de calor ou para os dias em que lhe apetece algo fresco.

 

Sabemos que com o calor torna-se menos apetecível ingerir bebidas quentes. No entanto, os chás de ervas, provenientes de flores, folhas, sementes, caules e raízes de plantas, podem ser muito eficazes em inúmeros sintomas e os seus benefícios para o organismo são variados. Uma vez que uma hidratação adequada é fundamental para a saúde, já que o nosso organismo é constituído essencialmente por água e que algumas pessoas não conseguem ingerir uma quantidade adequada de água ao longo do dia, os chás frios são uma ótima opção no verão.

Pode fazer as suas próprias diluições de chás e juntar, por exemplo, rodelas de gengibre, casca de limão, canela ou hortelã, por exemplo. O segredo é variar. Alcaçuz, camomila, cavalinha, dente-de-leão, erva-cidreira, espinheiro-alvar, framboesa, funcho, gengibre, ginseng, hortelã, hortelã-pimenta, melissa, pau d’arco, raiz de valeriana, urtigas são algumas das ervas que deve ingerir em chá nesta altura.

 

 

- Problemas de estômago: Funcho, hortelã pimenta e alcaçuz

- Problemas de rins: Dente-de-leão, uva-de-urso, gengibre, framboesa e amora-silvestre

- Problemas de fígado: Dente-de-leão

- Problemas de baço: Gengibre e giseng

- Problemas de bexiga: Urtigas, dente-de-leão e uva-de-urso

- Reforço do sistema imunitário: Pau d’arco

- Alívio do stresse: Camomila, erva-cidreira, ginseng, alcaçuz e raiz de valeriana

14
Ago17

COMO ORGANIZAR E TER UM CLOSET DE SONHO EM APENAS 5 PASSOS!!!


Cátia Sofia Santos

Acabe com o seu dilema e saiba como ter um closet de sonho, sem ter de gastar muito tempo e dinheiro, sim é possível. Descubra já.

 

 

Todos os dias depara-se com o mesmo dilema? Tem constantemente a sensação de não ter roupa suficiente para o seu dia a dia? Acredite, a solução para os seus problemas é a o-r-g-a-n-i-z-a-ç-ã-o! Siga as nossas dicas e torne o seu closet prático e funcional.

1º Passo: Para começar, retire toda a roupa do seu armário e divida em três partes: peças que já não usa há séculos; peças que precisam de arranjo; peças que já não estão em bom estado. Agora é hora de fechar os olhos e livrar-se de uma vez por todas do que não é essencial, sim sabemos que custa, mas só assim irá conseguir ter um closet de sonho. Dê as peças que já não usa, coloque as que precisam de arranjo num saco (ou talvez dois) e vá à costureira tratar do assunto. Quanto às peças que já não estão em bom estado, só há uma coisa a fazer, deite fora.

 

 

 

2º Passo: Agora só falta destinar as peças que sobraram para ter um closet minimamente organizado. Separe as peças mais sofisticadas, das peças de verão e inverno, sim sabemos que há peças que usa nas duas estações, mas certamente não irá usar um casaco de pêlo em pleno agosto, certo? O que não for desta estação, coloque numa caixa grande de plástico e arrume na parte superior ou inferior do seu armário.

3º Passo: Com o guarda-roupa minimamente organizado, certifique-se que tem todas as peças necessárias para construir os seus looks do dia a dia. Lembre-se que os básicos são intemporais e por isso, essenciais no seu guarda-roupa. Sabe de que peças estamos a falar? Então, prepare o seu bloco de notas e aponte.

Partes de cima:

- Tops;

-T-shirts;

- Camisa branca;

- Casaco de ganga;

- Cardigan;

- Blazer;

- Gabardine;

- Sobretudo;

 

Partes de baixo:

- Calças de ganga;

- Calças chino;

- Calças pretas;

- Saia lápis;

- Calções de ganga;

 

Vestidos:

- Preto (toda a mulher precisa do seu little black dress);

- Vestido comprido;

 

Sapatos:

Stilettos;

- Sabrinas;

-Ténis;

- Sandálias;

- Botas;

 

Malas:

Shopper bag;

- Clutch;

 

4º Passo: Agora é hora de ir às compras, mas não se esqueça de um pormenor muito importante, não compre por impulso! Não vale a pena acumular peças que provavelmente não irá utilizar com tanta frequência. Faça uma lista daquilo que realmente precisa e foque nas peças básicas e claro, numa ou outra peça tendência.

5º Passo: Com os passos anteriores concluídos, agora é hora de organizar. Nas gavetas, divida as partes de cima das partes de baixo e separe por modelos e cores. Comece por: tops, t-shirts e camisolas; calças, saias e calções. Destaque uma gaveta para os seus pijamas e outra para a sua roupa de desporto. No armário pendure as camisas, os casacos e os vestidos. Na parte inferior coloque o seu calçado por ordem e pendure as suas malas num cabide ou num gancho. Para os acessórios sugerimos que os guarde numa gaveta da seguinte forma: óculos de sol; relógios; brincos; colares; pulseiras; anéis; cintos. Facilite com compartimentos, tal como na imagem abaixo. Este tipo de acessórios encontra facilmente em lojas de decoração, ou então sempre pode colocar as mãos na massa e criar o seu próprio compartimento, com cartão ou cartolina.

 

Desta forma irá facilitar o seu dia a dia e evitar as crises habituais. Mantenha o seu closet organizado e tente fazer uma “limpeza” pelo menos uma vez por ano. Não se esqueça que menos é mais e que a organização é a palavra-chave para ter um closet de sonho.

Pág. 1/3

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Widgets